Browsing Category

Cultura

Cultura, Moda

Qual seu número? Senta que lá vem textão!

untitled-1-copy

No último sábado, dia 10, foi ao ar na TV Verdes Mares (afiliada da Globo no Ceará), uma matéria falando sobre o workshop “Fotografia Básica para Comunicadores Digitais” ministrado pela Rafa Eleutério. Na ocasião, o primeiro encontro foi só para convidados e eu fui uma delas. No meio de pessoas onde a cota mínima de seguidores no Instagram é 10k e a média de visualizações no Snapchat é de 300 pessoas, eu sei que estava lá pela amizade. Afinal, com meus números provavelmente eu não seria convidada pra qualquer outro evento com essa limitação.

O Coisas Que Me Distraem foi o primeiro blog de moda de Fortaleza a ganhar umas certa repercussão nacional. Foi aparição em eventos, revistas, tretas (inventadas) com bloggers que hoje estão em níveis internacionais. Isso não aconteceu porque ele era o melhor blog da cidade e sim pelo timing que ele foi criado. O mesmo timing que eu não tive “sorte” de ter quando decidi voltar pra esse meio. Fui pro Rio de Janeiro pra trabalhar com produção de eventos. Eu não sabia disso ainda, mas sabia que ser blogueira não era a carreira que eu queria seguir. Depois de 3 anos eu e o Ian decidimos voltar pra Fortaleza com a cabeça mais aberta do que quando fomos embora e foi quando eu pensei: agora vai! Hahaha. Senta lá, Priscila. Não chegou nem perto.

14348987_695416503947620_933134257_n-copy

E por que eu estou falando disso aqui? É que quando saiu a chamada da matéria da TV Verdes Mares me colocando como influenciadora, minha primeira reação foi sentir vergonha. Afinal, que mico ser nomeada de influenciadora com meus míseros 3,5k (aumentou um pouquinho depois da matéria, thanks povo! J)! Mas o que é ser influenciadora? É influenciar. E influenciar é sinônimo de inspirar. Mas se de todas as atividades que eu faço, produtos que indico ou dicas que passo nas minhas redes sociais tenho pelo menos uma resposta de alguém dizendo que comprou porque eu postei, foi a tal lugar porque falei dele ou até mesmo fez uma make/hair porque eu ensinei, por que me sentir inferior por meros números? E por que a gente se importa tanto com eles? Até profissionalmente, consigo ver o quanto essa questão é desleal, afinal, do que adianta você ter 100 mil seguidores no Instagram e não gerar vendas? Ou fazer permuta do seu produto se a pessoa nem ao menos posta nas redes sociais dela? Até que ponto ter aquela pessoa é importante pra empresa?

Convivo com muita gente mais nova do que eu e vejo o quanto essa questão de números está inserida nas conversas de muitos deles. É a preocupação com o número de seguidores que fulana tem ou quantos likes a foto de sicrano teve. Quando me vi envolvida nesse tipo de pensamento, tive que me perguntar: – o que isso importa? Nada!

A grande verdade é que todo mundo influencia, todo mundo inspira. Todo tempo e o tempo todo. E números sempre serão apenas números.

Cultura, Lifestyle

Daily Vlog #4 – Exposição Castelo Rá Tim Bum

No final do ano estive em Fortaleza mas antes disso dei uma passadinha no Centro Cultural Banco do Brasil pra conferir a exposição em homenagem aos 20 anos da estreia de Castelo Rá-Tim-Bum. A mostra abriga cenários, fotos, figurinos dos personagens e objetos de cena do programa exibido pela TV Cultura.

Aproveitar pra registrar a ida ao local e fazer um blog pra mostrar tudo pra vocês. Pra quem for do Rio ou estiver pela cidade e tenha interesse, corre pois a exposição só fica em cartaz até o dia 11 de janeiro. A entrada do museu é gratuita, lembrando que ele fecha as terças. #FicaDica

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL
Rua Primeiro de Março, 66 – Centro CEP: 20010-000 / Rio de Janeiro (RJ)
Telefone.: + 21 3808-2020
Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21h.

Cultura

Conexão Errejota: Picasso e a Modernidade Espanhola no CCBB

Começou na última quarta-feira, dia 24, a exposição ‘Picasso e a Modernidade Espanhola’ no Centro Cultural Banco do Brasil. A mostra vai até o dia 07 de setembro e  tem curadoria de Eugenio Carmona.

“Com cerca de 90 obras a exposição evidencia a influência de Picasso na arte moderna espanhola e os traços mais importantes e originais da sensibilidade artística que o pintor e seus contemporâneos espanhóis imprimiram ao cenário internacional das artes.

A exposição faz referência ao percurso de Picasso como artista e como mito, até chegar à realização de Guernica; à sua relação com mestres da arte moderna espanhola, como Gris, Miró, Dalí, Domínguez e Tàpies, entre outros presentes na mostra; e a suas contribuições para uma noção de modernidade voltada para o tempo presente.

Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro

Rua Primeiro de Março, 66 – Centro CEP: 20010-000 / Rio de Janeiro (RJ)
Telefone.: (21) 3808-2020
Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21h.
Cultura, Roupa do Dia

Roupa do dia: Passeio pela Unilivre

No meu último dia em Curitiba fizemos vários passeios bem legais e ao ar livre. Já havia ido pela manhã com o boy ao Jardim Botânico e voltamos pra casa pra esperar um amigo nosso nos pegar pra ir conhecer outros lugares. Aproveitei que já estava ficando bem quente e troquei o look para algo mais confortável e fresquinho.

Escolhi a saia midi da Augustana como peça-chave da produção. Combinei com uma t-shirt branca daquelas basiconas e finalizei o look com o chapéu floppy. A bolsa foi presente da Dafiti e nos pés, optei por rasteirinha da Schutz.

Aproveitando esse cenário incrível, preciso dar a dica pra quem estiver de viagem marcada para Curitiba. Já anota aí no caderninho!! O Bosque Zaninelli ou Universidade Livre do Meio Ambiente (Unilivre), se encontra onde existiu uma das maiores pedreiras da cidade e possui um visual incrível que você pode admirar ainda mais do mirante de 25m que existe no local.

SAIA MIDI: AUGUSTANA | BOLSA: DAFITI | RASTEIRA: SCHUTZ
Cultura, Gastronomia, Lifestyle

Top 5: Programas imperdíveis em Fortaleza

Amanhã minha cidade amada completa 289 aninhos. Parece até aquela aborrecente, sabe? Uma hora está de mau humor e nos deixa triste com seus problemas e outras só nos traz alegria. Pra homenagear essa terra amada que eu tanto sinto falta, convidei 5 pessoinhas super especiais e também apaixonadas por Fortaleza pra falar um pouco sobre alguns (são muitos, não dá pra escolher) dos seus lugares preferidos na cidade!

1. PARQUE DO COCÓ

Fortaleza foi a cidade em que nasci. Ela foi a mãe de muitos dos meus sonhos, a inspiração de muitas realizações. Entre Cocó, Praia do Futuro, Beira Mar e Dragão do Mar, sigo os meus dias, captando energias da natureza, sempre (ou quase sempre), com o céu azul no cenário. Encontrei aqui, um espaço para me expressar, pessoas para amar e o motivo por qual vencer. Sempre que vou pra longe, levo no meu coração a força que aprendi a ter aqui, e a certeza de querer voltar, para a minha cidade, para o meu lugar.  Já vi algumas de suas mazelas e sei das suas feridas, por isso, estou pronta para cuidar cada vez mais e continuar a amar essa terra forte, Fortaleza.

+PLUS: A Rafa é daquelas pessoas que esbanja amor e luz por onde passa. Além de fotógrafa da sua empresa VOIR image, ela é blogueira e também fica na frente das câmeras no seu Take The Trend.

2. CASA DE MOÁ

Quando a Priscila me chamou para dar uma dica de Fortaleza um dos primeiros locais que me veio a mente foi o Casa de Moá. Mistura de café, bistrô e loja de decoração, o espaço é lindo, super agradável que faz com que você se sinta realmente em casa. Se for no Bistrô peça as cestinhas de queijo de cabra com geléias variadas e se for no café não deixe de pedir o Bolo dos sonhos. Foi o local que escolhi para fazer meu casamento e indico demais!! Seja para um cafézinho seja para casar! 😉

+PLUS: A Nat é linda, tem super bom gosto e deixa isso nítido no seu ainda novinho mas já apaixonante blog To Build A Home. Leitura obrigatória!!

3. APROVEITAR AS CICLOVIAS

Eu sempre adorei andar de bicicleta, desde criança, mas não me passava pela cabeça adotar bicicleta como meio de transporte em uma cidade louca como Fortaleza. Desde que algumas ciclofaixas ficaram prontas, muitas perto da minha casa, eu me senti motivada a aproveitar isso e a ter uma relação nova com a cidade. Indico a todo mundo, é libertador poder sair por aí pedalando, vendo as pessoas, as ruas, o comércio, é diferente de estar de carro, totalmente diferente, é uma atividade inclusiva, democrática, saudável e barata. Melhor programa: pedalar pela orla no fim da tarde, a tempo de ver o por do sol, tomando água de coco.

+PLUS: A Lóló já é conhecida aqui no blog e além de colaboradora do Coisas, redatora, publicitária (ufa!), ela também escreve pros lindíssimos blogs Dia da Chica e Leve o Mundo.

4. CHITCHAT NO CAFÉ COM PALAVRAS

Uma das coisas que aprendi a amar em viagens foi o hábito de passar tempo em cafeterias e até trabalhar nelas em busca de um ambiente mais inspirador. Fazer esse programa era um dos meus favoritos em Fortaleza… Amava me encontrar com amigas, trabalhar, desenhar novos designs pra minha marca, ler e, claro, tomar café.. Que quase ficava em segundo plano! Rs

Minha cafeteria preferida é a Café com Palavras na Livraria Nobel na Av. Santos Dumont, mas poderia citar muitas outras que amo e sempre ia como a Casa de Moá, o Café Santa Clara e a Cafeteria Sublime, que tem jazz ao vivo todas as sextas.

 

Amo tanto me sentir conectada com o mundo, que frequentar cafeterias na cidade não foi o suficiente.. Foi a partir daí que criei um grupo de conversação de inglês chamado Chit Chat Café que se encontra toda quinta-feira das 18:30 às 20:30 no Café com Palavras. na Livraria Nobel. Eu me mudei pra Los Angeles, mas o grupo continua rolando e é muito legal.. Quem tá liderando o grupo é o Billy, um americano que casou com uma brasileira e ama essa troca! O Chit Chat Café é uma programação super bacana e diferente pra se fazer na terrinha, além do lugar ser um charme. Vale ressaltar que é aberto ao público, não paga nada, é só chegar. É tão divertido!! Super recomendo! Mais informações:  https://www.facebook.com/groups/1430273827227281/ ou Whatsapp (85) 9824-7575.

 

+PLUS: A Nay além de linda e esbanjar esse sorrisão por onde passa, mora na Califórnia (sonho!!!) onde é sócia da LA Like A Local, empresa de roteiros personalizados e interação com os locais de Los Angeles! Fica a dica pra quem estiver de visita pela região.

 

5. PASSEIO PÚBLICO (PRAÇA DOS MÁRTIRES)

<br

A Praça dos Mártires, mais conhecida como Passeio Público, é um dos meus lugares preferidos em Fortaleza! Além de podermos nos sentar à sombra das árvores para relaxar, ainda podemos tomar um café ou saborear o delicioso almoço dos quiosques, ouvindo uma ótima música aos sábados!

+PLUS: A Quel é sócia da La Fête Gastronomia e como minha cunhada do coração, já tive o prazer de provar o que ela faz na cozinha e super indico conhecer (e provar!!) os bolos, quiches e muitas outras delícias que as meninas preparam!
Cultura

Sessão Pipoca: A Culpa é das Estrelas

Se a partir desse momento você começar a observar casais pelas redes sociais se declarando um para o outro usando palavras como “alguns infinitos são maiores que os outros”, “talvez ok seja o nosso sempre” ou simplesmente “okay”, não se espante, é que a a febre de “A Culpa é das Estrelas” já tomou conta de praticamente todo mundo.

Afinal, quem não gostaria de ter um amor tão honesto mas ao mesmo tempo tão real como o de Hazel Grace e Augustus, personagens muito bem interpretados pelos atores Shailene Woodley e Ansel Elgort que repetem parceria depois de contracenarem como irmãos no filme Divergente.

Em “A Culpa é das Estrelas” Hazel é diagnosticada com câncer quando criança e sobrevive graças a uma droga experimental. Convencidos de que Hazel está deprimida, seus pais fazem com que a adolescente participe de uma grupo de apoio cristão. Lá, conhece Augustus Waters, um rapaz que também sofre com câncer e que sonha em deixar sua marca no mundo.

Eu não li o livro mas já pretendo comprar! Quem leu diz que a adaptação para o cinema foi super fiel. Na minha opinião o filme é lindo, me fez chorar muitoooo (eu e toda a sala do cinema), além de mostrar o quanto a vida é preciosa e o como administramos mal o nosso tempo enquanto para tantos outros ele vale mais do que ouro. Sem dúvidas vale o ingresso!